quinta-feira, 5 de dezembro de 2013

Papo de verão: O quente, o frio, o morno e o fresco


ilustração de Celina Gusmão no livro 
Meditando na cozinha, de onde saiu esta crônica

Valha-nos Deus, que calor. Quarenta
graus à sombra e o ar-condicionado pifou.
Ventilador, só se for para fazer vento
quente. E suor seco. Do chuveiro
a água sai morna. O chão de ladrilho
também está morno, mas quase fresco:
deitar ali e ficar sem pensar nada. Jazer.
Aqui jaz uma pessoa morta de calor.

Também, quem mandou comer? Devia ter ficado
em jejum. Pão e água. Não, pão esquenta. Só água.
Zero calorias! Viver de água e chi, o sopro vital.
Mergulhar no vazio feito um monge zen, respirar bem
devagar e ir reduzindo a frequência dos batimentos
cardíacos. A circulação de sangue mais lenta faz o corpo
funcionar menos e isso o desaquece. A pele, suada e fresca,
passa a refrescar também o interior do corpo.

Ah, frescor! Distante. Meio-dia, panela no fogo, barriga
vazia, cadê a vontade de comer? Só se for salada. Mmm,
maravilhosa salada, cheia de alfaces várias, raditi, chicória,
rúcula, agrião, catalona, tudo misturado numa festa com
cenoura, beterraba, rabanete, fatias de manga, laranja e
mais pepino e cebolinha, que não podem faltar no calor.

O pepino é um sucesso. Fácil de preparar, refresca logo o
estômago e os pulmões, o que melhora muito as condições
da pele; facilita a circulação de líquidos no corpo, acelera a
formação de urina, acaba com os inchaços dolorosos e
quentes da garganta. Velho, amarelado, fervido em sopa,
alivia a tosse seca do outono. Aplicado externamente, suco
de pepino fresco faz secar espinhas e trata queimaduras.
É o príncipe do verão, digamos. Com ou sem casca,
conforme o estômago do freguês.

Já a cebolinha verde é um curinga – regula
a temperatura interna, impedindo tanto o excesso
de calor quanto o de frio, e combina demais com tudo –
sanduíche, macarrão, salada, carnes, sopa... Também fica
maravilhosa quando é aferventada em pouca água durante
três a cinco minutos; escorra, ponha na tábua de vegetais,
espere esfriar um pouquinho, esprema para tirar o resto
da água e corte na diagonal em pedaços de 3 cm.
Tempere com uns pingos de molho de soja, nada mais.
Um maço dá para duas pessoas. Acompanha bem qualquer
macarrão, fica divina entre duas fatias de pão integral,
completa cogumelos de todos os tipos. E ainda faz hora
extra salvando crianças e adultos que engolem coisas
pontudas e perfurantes como cacos de vidro, chaves,
brincos: basta aferventar a cebolinha e ir engolindo inteira,
sem cortar, que ela se enrola em torno do objeto e o conduz
assim protegido até a saída.

Algas marinhas, aveia, banana, beldroega, beringela, nabo,
broto de bambu, cana-de-açúcar, caqui, caranguejo, coelho,
pato, clara de ovo, espinafre, limão, laranja, tangerina,
maçã, manga, melancia, melão, ovo de pata, painço,
papaia, pera, tofu, tomate, trigo, alimentos frescos
e mornos, crus ou ligeiramente cozidos: tudo isso
reduz o calor.

Abóbora, açúcar, alho, alho-poró, anchova, truta, canela,
cravo, carneiro, codorna, cebola, cenoura, frango, leite de
coco, malte, mexilhão, pêssego, rim, alimentos e bebidas
quentes e gelados, doces, sorvetes, refrigerantes, chocolate,
café, cerveja, frituras, coisas de forno ou feitas na pressão:
tudo isso aumenta o calor.

A sabedoria oriental diz que não se trata
o quente com o frio, mas com o fresco; não se
trata o frio com o quente, mas com o morno.
Nós, que não sabemos nada disso, bebemos gelados no
verão e morremos de calor – porque o corpo tem que
continuar quentinho por dentro para poder funcionar,
e trata de acelerar as turbinas para aquecer o gélido
conteúdo. Coisas da natureza, contrariando a tecnologia,
a propaganda, os impulsos de consumo, a tola
e superficial felicidade do século 21.


Mas, com tanto calor, pensar quem há de?

34 comentários:

  1. Sonia, há quanto tempo! Sempre leio seu blog, porém. Queria lhe perguntar se você não tem a dieta do dr. Barcellos em inglês. E outras publicações também, em inglês.

    Ótima postagem. Frutas não são muito indicadas pra se comer à noite, certo?

    E os alimentos integrais, chia, quinoa, germe de trigo, amaranto e gergelim? Bons pra saciar também no verão, certo?

    Um grande abraço!

    ResponderExcluir
  2. Ah, e aqui em BH tem "água temperada", metade gelada, metade do filtro de barro São João.

    ResponderExcluir
  3. Olá, por coincidência estou relendo seu livro "meditando na cozinha". Foi o primeiro que adquiri e depois de ler outros, acho este o melhor de todos. É didático e poético. Cada vez mais admiro a medicina chinesa e sua conexão com os movimentos da vida e do corpo.
    Vem livro novo por aí?
    um abraço
    LENA

    ResponderExcluir
  4. Oi, Jackson, não tenho livros traduzidos para o inglês. Até fiz alguns testes com tradutores, anos atrás, mas não encontrei nenhum que me agradasse. No momento alguns estão sendo traduzidos para o espanhol.

    Frutas só de dia, no intervalo das refeições, mas em noites muito quentes as regras se quebram.

    Quanto à sua listinha de integrais, experimente e observe. Tudo depende de quem, como, quando, quanto e com o que… Um abraço!

    ResponderExcluir
  5. Vem livro novo sim, Lena, está em trabalho de parto. Um abraço!

    ResponderExcluir
  6. Oi, Sonia. Já percebi que o inhame é fundamental para o dia a dia. Ele te deixa com o humor melhor. Tô observando isso há tempos. Além de todos os outros benefícios.

    Linhaça, melhor deixar de molho por 8 horas, bater no liquidificador, colocar logo depois no feijão ou na sopa. Ela se transforma num gel, quando vai esfriando, e a sensação de saciedade se prolonga.

    Observação é tudo mesmo.

    Grande abraço!

    ResponderExcluir
  7. Sonia, minha querida, o sistema de busca do blog está com problemas... alguém ja tinha te avisado isso? Ja é a segunda vez que tento fazer uma pesquisa no blog e não consigo! Quero saber sua opinião sobre feijão mungo!

    Um abraço!

    ResponderExcluir
  8. É isso aí, Jackson: experimentar e observar. E a linhaça também pode ser batida com água e limão depois de ficar de molho. Sem essa mucilagem hidratada ela pouco serve.

    Fernanda, eu mesma já tinha reparado nisso há alguns dias. Busco muito no blog para passar links a quem me escreve. É coisa do Blogger, não sei nem com quem reclamar…

    Mung bean é um feijãozinho verde, arredondado e pequeno, do qual se fazem os brotos de feijão. Vende em lojas japonesas. É bom e ruim como qualquer outro feijão: nutritivo, mas levemente tóxico. Os brotos dão resultado melhor.

    Abraços!

    ResponderExcluir
  9. Oi Sonia, obrigada pela resposta, pois é, eu também não sei a quem recorrer quando da problema no blog... que estranho!

    Quanto ao mung bean, que coisa, né, a minha professora de yoga que é também uma grande conhecedora de culinaria ayurvédica disse que o mung é o alimento de base dos yogis, muito consumido e recomendado. E ainda me indicou o bichinho pra desintoxicar, perder peso... na mesma hora pensei: "leguminosa é treta!". Por isso quis encontrar alguma fonte de informação no seu blog. De uma outra vez, falei na aula dela que o abacate era alergênico, nossa senhora, ela quase caiu pra trás!

    É dificil quando as informações se contradizem, né?

    Em todo caso, obrigada, viu, querida?

    Abração!

    ResponderExcluir
  10. Oi, Fernanda, não precisa haver contradição. Pessoas que se limpam muito, como os yogues, podem comer coisas que os comuns não podem. Por exemplo os hindus: comem derivados do leite mas lavam habitualmente o nariz e o estômago.

    Depois, eu não diria que o abacate é alergênico, mas que, segundo o dr Barcellos, as pessoas com câncer e alergias não deveriam comê-lo. São situações específicas. Já camarão, lagosta e carne de porco são sabidamente alergênicos - mas nem sempre, nem para todos. Veja os chineses, que usam carne de porco direto…

    A dietética chinesa também diz que vagens e feijões verdes são desintoxicantes. O que não impede que continuem sendo um tanto tóxicos, como apontou Hipócrates. Nenhuma leguminosa está isenta, menos ainda a soja, que só se deve comer fermentada. Os chineses fermentam outros tipos de feijão também…

    Um abraço!

    ResponderExcluir
  11. Olá Sonia
    Você conhece esta historia:
    http://ppavesi.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  12. Não conhecia.

    ResponderExcluir
  13. Ops, sou outra pessoa, não a que postou o link.
    F.

    ResponderExcluir
  14. Oi Sônia, crianças tb podem fazer uso de probioticos? Gostaria de dar p/ minha filha de 3 anos. Como são em cápsulas, pensei em abrir a cápsula e dar c/ uma colherada de iogurte, o que vc acha? Fiz a avaliação bioenergética dela c/ Jaime Bruning e deu oxiúros, etamoeba coli e giárdia. Vou iniciar o tratamento c/ os chás e a argila e gostaria de saber se os probioticos são indicados.
    Um abraço grande
    Ana Paula

    ResponderExcluir
  15. Denise Bueno13/12/2013 16:34

    Ei, Sônia.. recebi esse texto. Bem, simples, sem delongas mas fala dos fungos...
    Abraços

    Denise Bueno

    http://g1sul.wordpress.com/2013/12/07/um-medico-italiano-descobriu-algo-simples-que-considera-a-causa-do-cancer/

    ResponderExcluir
  16. Denise Bueno13/12/2013 16:35

    Ei, Sônia.. recebi esse texto. Bem, simples, sem delongas mas fala dos fungos...
    Abraços

    Denise Bueno

    http://g1sul.wordpress.com/2013/12/07/um-medico-italiano-descobriu-algo-simples-que-considera-a-causa-do-cancer/

    ResponderExcluir
  17. Tem que se tomar cuidado http://www.quatrocantos.com/LENDAS/441_cancer_bicarbonato_sodio_simoncini.htm

    ResponderExcluir
  18. Estimada Sonia
    Acompanho seu blog sempre, suas informações são muito úteis. Faz tempo que quería perguntar o seguinte: se uma pessoa melhora a dieta, tirando os doces, os industrializados, leite e glutem e ao mesmo tempo incorpora o uso de alho, Echinacea, propolis, semente de abóbora, aloe vera, chá de cravo, por exemplo. Os vermes serão expulsados pouco a pouco? Ou sempre é preciso fazer um tratamento de "choque" para eliminar os parasitas?
    Obrigada. Yanna

    ResponderExcluir
  19. Denise Bueno15/12/2013 00:02

    Ei, Jackson

    Grata pela dica. Realmente, temos que tomar cuidado com tudo o que recebemos via net.

    Valeu

    Denise Bueno

    ResponderExcluir
  20. Oi, Ana Paula, em princípio não tem problema. Mas iogurte? Não pode ser com água? Criança com giárdia e outros bichos não deveria usar qualquer laticínio…

    Jackson, sempre atento!

    A história desse dr Simoncini com o bicarbonato rodou o mundo, e muitas pessoas passaram a tomar bicarbonato regularmente para se proteger do câncer. É um absurdo, porque a digestão precisa de ácidos. Excesso de acidez geralmente se deve a falta de equilíbrio, e não é tomando antiácidos que ele volta.

    Quanto à conexão entre câncer e fungos, sem dúvida existe. Existem também massas fúngicas interpretadas como câncer. Como os fungos são os principais decompositores da matéria, acabam entrando em todas as crises. A saída é a saúde.

    Yanna, acho que cada caso é um caso. Se os sintomas são leves, essa melhora na dieta deve ser suficiente. Faltou você incluir verdinhos na rotina diária - salsa, coentro, hortelã tomilho - e verdões, como couve, agrião, repolho, etc. E reduzir também as frutas.

    Porém, se os sintomas forem fortes, pode ser necessário dar um choque. Especialmente no caso de parasitas maiores, como os vermes. Com os protozoários, que são muito resistentes, prefiro a delicadeza. Nosódios homeopáticos funcionam muito bem.

    Abraços a todos!

    ResponderExcluir
  21. Sonia
    Muito obrigada pela dica, vou fazer isso e ver que resultados obtenho. Em quanto a homeopatia, estou em tratamento unicista já tem quase 2 anos. Acho que isso também deve ajudar.
    Um abraço,
    Yanna
    Em cuanto ao post está muito bom. Há um livro que explica isso muito bem. Acho que deve existir uma versão em português. O autor é Paul Pitchford e o nome em español é "Sanando con alimentos integrales". Inclusive há uma parte do livro dedicada a desparasitarse de acordo ao tipo de pessoa, se é que ela sofre de excesso ou deficiencia, frío ou calor. É interesante.

    ResponderExcluir
  22. Adoro esse livro, Yanna, tenho as duas edições em inglês e vivo citando e recomendando, inclusive aqui no blog.

    Acho um pouco complicado as pessoas se avaliarem sozinhas em termos de excesso, deficiência, frio e calor. Mas esse é um longo papo… Obrigada, um abraço!

    ResponderExcluir
  23. Obrigada pela resposta, Sonia. Vou dar os lactobacilos c/ água então. Pensei que talvez no iogurte a probabilidade de chegarem vivos no intestino fosse maior - coisa de amadora iniciante no assunto rsrsrs.
    E perdão por ter escrito seu nome c/ acento no comentário anterior. Afinal quem é fã não pode dar dessas gafes, né?
    Aproveito tb p/ agradecer a sua dedicação e o seu trabalho tão iluminados. Que Deus continue te abençoando c/ mta sabedoria, saúde e amor.
    Beijo caloroso
    Ana Paula

    ResponderExcluir
  24. Obrigada, Ana Paula! Abração pra você também.

    ResponderExcluir
  25. oi sônia amo suas dicas e escrevo para dizer que estou impressionada com o poder curativo do inhame minha mãe tinha mãos sempre rachadas e eu agora com 35 anos fiquei também (pele sensível, rachada, usando luva pra tudo), sem conseguir identificar a causa e usando pomadas fortes apenas como paliativo. lembrei da sua receita de emplasto e fiz hoje por 15 minutos só sem gengibre e já vi resultado fiquei chocada vou plantar um pé de inhame haha tentarei com gengibre também mas acredito que amanhã estarei com as mãos novinhas te agradeço de coração um beijo pri

    ResponderExcluir
  26. Pri, que ótima notícia você está me dando. Se a melhora se confirmar, por favor me escreva de novo para fazermos um post especial sobre isso, aqui ou no email shirsch@uol.com.br, porque muita gente me pergunta sobre esse problema e eu não sabia que o inhame podia ajudar. Muito obrigada, um abraço grande!

    ResponderExcluir
  27. Adorei conhecer o blog. Parabéns pelo ótimo conteúdo postado.

    ResponderExcluir
  28. Marta Lozano10/03/2014 15:33

    oi Sonia, estou aparecendo novamente por aqui! Estou com duvidas sobre filtros: é melhor o de osmose reversa ou aqueles que transformam a agua em alcalina? Quero ter um desses e o de barro (para ter gosto de agua!)mas estou super confusa na hora da escolha! te agradeço uma opinião! bjs

    ResponderExcluir
  29. Marta, veja a informação que eu tenho em http://www.soniahirsch.com/2011/11/o-melhor-filtro-de-agua-e-de-barro-e-e.html

    ResponderExcluir
  30. Detesto o calor , logo minha cabeça fica molhada , fico com um aspecto horroroso , evito sair das 10 as 17hs e este ano passei muito mal tive alta pressão. tenho pânico quando tenho que sair de casa ou fazer a qualquer trabalho em casa. Fico exausta.Sou de lugar frio e tenho que morar algumas vezes em cidade de muito calor. É insuportável nada está bom para mim , já que sou muito estressada normalmente, então esperoque o frio chegue e muitos banhos e ficar bem quieta no mu canto...mas li as dicas aí e vou tentar estudar para aprender algo

    ResponderExcluir
  31. Anônima, além de adequar sua alimentação, a acupuntura pode ajudar você a equilibrar os sistemas energéticos do corpo. A homeopatia também costuma funcionar bem. Um abraço!

    ResponderExcluir
  32. Andrea Rinaldi27/04/2015 00:12

    Olá Sonia,
    Sou nova por aqui, busquei seu blog depois do programa sobre macrô na Bela Gil. Estou encantada com a facilidade que você passa o seu conhecimento.

    Gostaria de começar pelo começo: eu devo fazer uma consulta com algum profissional para saber o que me faz bem ou não? Se sou yin ou yang? Se preciso fazer algum processo de vermes etc? Sou de SP capital, vc indica alguém?

    Muito obrigada pela atenção,
    Andrea

    ResponderExcluir