segunda-feira, 4 de outubro de 2010

Candidíase, o livro: Lançamento e agenda de palestras em outubro 2010

 
Nasceu aqui no blog, este livro: um passo a passo para enfrentar e se livrar da candidíase crônica, iluminado pelas imagens de Cris Tati.

Falo de candidíase desde a primeira versão do livro Só para mulheres, em 95. Anos depois o capítulo virou página no correcotia.com e ganhou mundo. Em 2009 abri este blog e postei sobre candidíase, a praga. Choveram comentários, os posts deram filhotes, e assim o assunto cresceu e se multiplicou.

Há algum tempo Bianca escreveu pedindo sugestões de cardápio para a dieta da candidíase e fiquei de pensar. Saia justa. Tive que escrever um livro para explicar o cardápio.

Candidíase, a praga - e como se livrar dela comendo bem é uma proposta prática. Reciclei todas as informações de que já dispunha, li novos livros, pesquisei em blogs e sites, fui para a cozinha testar as receitas. Nunca me senti fazendo um trabalho tão necessário. 

A incidência de candidíase na população é alarmante. Mais de 60% das mulheres atendidas no Hospital Pérola Byington - referência em saúde da mulher, em SP - se queixam de candidíase. 

Mas elas só vão lá porque têm corrimento vaginal, coceira, dificuldade para transar. Se tiverem ardor na bexiga, urgência de urinar ou incontinência, que também podem ser sintomas de candidíase, não contam na estatística, que é ginecológica. Dores nos quadris e nos joelhos também não contam, e são sintomas de cândida. Portadores de artrite, homens ou mulheres, têm candidíase. Barriga estufada, má digestão, esofagite; problemas hormonais, menstruação irregular, sinusite, depressão, baixa libido, baixa imunidade; crianças manhosas, sempre resfriadas, ou que fazem xixi na cama, ou cheias de alergias - nada será diagnosticado corretamente se não se verificar primeiro a possibilidade de ser derivado da proliferação de cândida. E, como ela se beneficia do alto consumo de alimentos industrializados, açúcar, produtos de padaria e laticínios, não é de espantar que seja uma epidemia oculta, como afirma a nutricionista clínica Denise Carreiro, de SP, no recente livro Síndrome fúngica.

Quem passear pelo blog vai constatar as queixas. E também a vitória das mulheres (e alguns homens) que conseguem se equilibrar numa dieta, a princípio muito dura, mas que dá resultados.

Só uma boa alimentação mantém a cândida dentro dos limites. Fungicidas? Podem resolver na hora, por dias ou semanas; mas se o ambiente for propício, a cândida volta sempre a tomar conta. Adere aos tecidos, muda de forma e invade o corpo. Por isso causa tantos sintomas que parecem outra coisa, e acaba sendo a doença de fato por trás de câncer, diabete, aids e outras síndromes de siglas novas para velhos sofrimentos.

O livro estará disponível para o público a partir de 11 de outubro, nas boas livrarias, e também em www.correcotia.com , com frete grátis para todo o Brasil. Preço de capa: R$35,00.

Blog do livro: http://candidiaseapraga.blogspot.com/

AGENDA DE PALESTRAS & AUTÓGRAFOS EM OUTUBRO 2010 

14 outubro, 5a feira, 19hs | São Paulo SP | Livraria Saraiva Shopping Ibirapuera
palestra Candidíase, a praga - e como se livrar dela comendo bem

15 outubro, 6a feira, 19hs | Campinas SP | Livraria Saraiva Shopping Iguatemi
palestra Candidíase, a praga - e como se livrar dela comendo bem

16 outubro, sábado, 16:30hs | Campinas SP | Instituto Ísvara | reservas (19) 3203-1918, 3203-1917
palestra Comer bem, comer mal

23 outubro, sábado, 17hs | São Paulo SP | Caçamba das artes | R. Muniz de Souza 517 Aclimação
palestra Comer bem, comer mal  | inscrições aqui

27 outubro, 4a feira, 19hs | Rio de Janeiro RJ | Livraria Saraiva Shopping Rio Sul
palestra Candidíase, a praga - e como se livrar dela comendo bem 

61 comentários:

  1. sonia,

    FINALMENTE! obrigada por nos dar um livro tão importante!

    não sei se espero para comprar no dia 27 aqui no rio ou se compro urgente e levo para você.

    ah! parabéns pela obra tão necessária!

    estou feliz por todas nós.

    beijos e muito boa sorte com a vida do livro que se inicia.

    ResponderExcluir
  2. Olá

    Fui correndo ao site, pensei que já poderia encomendar, snif snif

    O primeiro livro que li seu foi o Deixa Sair, amei, depois dele vieram outros.
    Quando você publicou Só para Mulheres, dei de presente para todas as minhas amigas

    Que esse novo livro seja um sucesso, aguardarei ansiosa

    Beijos

    ResponderExcluir
  3. Êêê, parabéns, parabéns!! Não sei qual é seu livro mais vendido, mas esse certamente será sucesso de vendas!
    Adorei a capa, e o precinho tá ótimo!
    Já tive essa vontade da Ção de dar o "Só para as Mulheres" para todas as amigas; um dia eu chego lá ;).
    Bjs e que esse novo livro dê bons frutos! :)

    ResponderExcluir
  4. Márcia Cintra05/10/2010 00:52

    Oi Sonia !
    Sucesso c/ o novo livro é FATO que vou adquirir !!
    Hj. lendo teu BLOG , fiquei encantada c/ os POST !!
    Gostaria que vc. falasse aqui sobre o Micro ondas !! eu já ganhei 2 importados e passei p/ quem gosta ! sempre tive o maior receio !
    Hj. assistindo o " SEM CENSURA " c/ a Leda , fiquei mais apavorada , pensando nas pessoas que usam! um médico OFTALMO , MARAVILHOSO que ela entrevistou e falando de CATARATA , ele disse que se olharmos p/ o Micro , em algumas pessoas pode afetar a retina e provocar uma Catarata em questões de dias !! olha que horror !
    Att !
    Márcia

    ResponderExcluir
  5. Oi Betina, Ção e Jussara, muito obrigada pela força! Estou na contagem das contrações, digo, dos dias...

    Oi, Márcia, também acho o microondas uma coisa horrorosa. Nunca tive nem recomendei, ao contrário, sempre explico o problema de ser um calor proveniente da fricção molecular e não de uma verdadeira fonte de calor. Muitos adoecem por causa dele.

    Um dia, em viagem, cheguei no hotel (que eu tinha pedido com cozinha pra poder fazer meus chás) e só tinha microondas. Uma pessoa muito gentil me explicou que eu poderia ferver nele a água do chá. Fervi, tomei - e passei a noite inteira sentindo o corpo esquisito, como se o sangue vibrasse. Xô!

    ResponderExcluir
  6. Te encontro na Saraiva do Rio Sul no dia 27! ;)

    ResponderExcluir
  7. Que maravilhosa notícia, Sonia! Na verdade, eu sabia que uma hora isso iria acontecer... Hehehehehe

    Não vejo a hora de ter seu filho em mãos.

    Ah, um dia você deixa eu fazer a revisão ortográfica de um dos seus livros? Seria um sonho para mim!

    ResponderExcluir
  8. Oba! Tomara que dê para eu ir!
    :)
    Parabéns Sônia e obrigadíssima!

    ResponderExcluir
  9. Olá Sônia!
    Parabéns por mais um livro! ;)
    Farei o possível para vê-la na Saraiva aqui em São Paulo.

    Beijos grande,
    Ana.

    ResponderExcluir
  10. Maravilha! Parabéns, Sonia!

    ResponderExcluir
  11. Obrigado por mais um livro. Sucesso

    ResponderExcluir
  12. Ebaaaa!! Que livro maravilhoso ele deve ser! Vai fazer muito sucesso! Parabéns por mais essa publicação tão necessária, Sonia....você faz a diferença... =)

    ResponderExcluir
  13. Sonia, meus parabéns pelo novo livro! Repartir o conhecimento, é muito importante e salutar para todo mundo!
    Pena que eu não moro mais em SP, gostaria de assistir uma palestra e pegar o autógrafo no livro. Vou comprar pelo teu site, que é super fácil, bacana e honesto. Já comprei um livro por lá e adorei!
    Sucesso prá você viu! Beijocas

    ResponderExcluir
  14. Oi, garotas, obrigadíssima por participar com tanto entusiasmo. Estou muito feliz com a ideia de que em breve esse livro estará rodando pelas mãos e ajudando as pessoas a entenderem melhor as coisas. Sinto que esse livro de certa forma condensa meu trabalho. Espero que cumpra seu objetivo e não decepcione vocês.

    Já abri um blog pra ele, onde pretendo postar aos poucos os capítulos para torná-los vivos, interativos, tirar dúvidas e receber críticas ou sugestões. Já já!

    Beijos a todas e muito obrigada de novo, tenham um bom dia :-)

    ResponderExcluir
  15. Sonia,
    já encomendei o livro no site. Que beleza, um pra mim e outro pra presentear uma amiga do coração.
    verei-a com certeza na Saraiva do Rio Sul, no dia 27/10!
    Saúde, sorte e sucesso para seu novo livro!
    Beijos e até lá.

    ResponderExcluir
  16. Oi, Monica, obrigada pela força e até lá! Abração!

    ResponderExcluir
  17. Muito bom! Estava aguardando ansiosamente. Encomendarei no próprio dia 11. Bjs e obrigada por tudo, Andy

    ResponderExcluir
  18. Oi, Carol, que bom que você gostou. As imagens são the best ;-)

    Oi, Andy, também agradeço muito, porque foi a pressão das questões aqui no blog que me engravidou deste filhote. Beijos - e espero que gostem muito de ter o livro na mão!

    ResponderExcluir
  19. Sonia,
    chegou na hora certa, esse livro!!
    Parabéns!
    Sou sua fã.
    Estarei no Rio Sul à sua espera!!
    bjks

    ResponderExcluir
  20. Oi Sonia
    Parabéns pelo novo livro !
    Admiro muito seu trabalho!
    Estarei lá dia 14 para poder te cumprimentar pessoalmente.
    Muito sucesso!!

    Um beijo

    Denise Carreiro

    ResponderExcluir
  21. Sonia, venho aqui agradecer...
    No último post que escrevi, há poucas semanas, eu estava até chorando de nervosa! rs com a candidíase me detonando...
    Fui a um homeopata e parecia que eu já sabia tudo que ele ia falar... porque antes eu li tudinho aqui no seu blog! rs
    Em poucos dias já estou bem melhor... a alergia tbm está sob controle, sem açúcar, sem farinhas brancas horrorosas... rs nem pareço eu mesma!
    tinha que te agradecer!!!! Você faz parte da minha felicidade atual!

    Beijos
    Michelle

    ResponderExcluir
  22. Oi, Iza, tomara que seja a hora certa mesmo, porque tem muita gente sofrendo à toa, sem saber que pode pegar as rédeas nas mãos. Abração e até lá!

    ResponderExcluir
  23. Denise, mas que prazer imenso receber você aqui! Também admiro muito o seu trabalho e vai ser muito bom te conhecer pessoalmente. Um abraço grande e até lá ;-)

    ResponderExcluir
  24. Puxa, Michelle, fico feliz de saber - eu e a galera toda! Parabéns, querida, e força nas tranças!

    ResponderExcluir
  25. Amei a capa . Linda demais. É a expressão de como a vida deve ser! E você Sonia, nos leva a este belo caminho.

    Obrigada.

    ResponderExcluir
  26. Obrigada digo eu, Abelhinha! ;-)

    ResponderExcluir
  27. Oi Sonia! Nossa, descobri o mundo aqui no seu blog, nem acredito que demorei tanto para achá-lo. Parabéns!

    O problema só é que tô com milhões de dúvidas agora que descobri que tenho candidíase sistêmica. Que médico eu vou? Largo os antidepressivos, remédios para acne, rinite, estômago, intestino? Ai, quanto dúvida...

    Mas muito obrigada mesmo. Desejo que o universo te retribua em triplo todo seu trabalho!

    Leny

    ResponderExcluir
  28. Prezada Sônia, parabéns pelo seu excelente blog.

    Postei uma matéria sobre parasitas em meu blog e recomendei um de seus livros.

    Espero não ter falado muita bobagem sobre o assunto, uma vez que sou leigo e obtive a maioria das informações em inglês.

    Um abraço.

    ResponderExcluir
  29. Oi, Internéscio, belo e terrível seu blog, parabéns pela coragem de publicar aquelas fotos medonhas e fascinantes ao lado de outras lindas e pacificadoras.

    No YouTube tem uma coleção de fotos e filmes de verminoses que Deus me livre e guarde. Não é à toa que as pessoas ficam com medo de ter vermes. Mas, com um pingo de atenção e inteligência, dá para tratar muito antes, mas muuuito antes mesmo, de ficarem assim... Agradeço a indicação do meu Almanaque de Bichos. Um abraço! P

    Pra quem quiser ir lá direto, o endereço do blog mais Silva do mundo: http://internescio.blogspot.com/ . Have fun.

    ResponderExcluir
  30. Oi, Leny, todos esses sintomas que você listou batem com os sintomas de parasitoses - não só de cândida, mas de amebas também, quiçá helmintos. Um dos primeiros passos contra a candidíase é tratar dos vermes e protozoários. Olho vivo! Um abraço!

    ResponderExcluir
  31. Sônia,

    Que felicidade mais um livro seu, uma dádiva para todos nós. Obrigada por compartilhar conosco tanto saber. Vou divulgar.
    Parabéns e, sem dúvidas, já é um sucesso.
    Se vier a Salvador, avisa.

    Bjs.

    "O Deus que há em mim saúda o Deus que há em você."

    ResponderExcluir
  32. Ah, mas que saudades tenho da Bahia... Tomara role um fim de semana em Salvador, Inês! Um abraço!

    ResponderExcluir
  33. Oi, Sonia! Nossa, eu nem tinha pensado que podiam ser amebas e protozoários... obrigada pela dica. Que médico é indicado? Clínico Geral? Homeopata?

    Obrigada e um abraço!
    Leny

    ResponderExcluir
  34. Não sabia que criança também tem candidíase! Mais um livro utilíssimo. Que legal!

    ResponderExcluir
  35. Oi, Leny, se você puder pagar 280,00, faça logo um exame no laboratório do dr Helio Copelman, no Rio, tel 21 2548-0648; pode mandar as amostras de avião. É o único que eu conheço que dá resultados. Não precisa de pedido médido e se chama exame parasitológico de fezes. Com os resultados, eu procuraria um(a) homeopata.

    Se não houver possibilidade, o pessoal da Pastoral da Saúde faz um bom trabalho com parasitoses. Um abraço!

    ResponderExcluir
  36. Oi, Vera, o sapinho - tão comum nos bebês - é cândida. Bebês choram de cólica por causa dela, especialmente se não são amamentados. Velhinhos também sofrem muito. Aliás, quem não sofre?

    ResponderExcluir
  37. Eba, Eba

    Meu livro chegou.

    Claro que não resisti e comprei outros também

    Beijos

    ResponderExcluir
  38. Oi, Ção, bem que eu achei que era você! Obrigada e um abração, depois quero sua crítica do livro novo, tá?

    ResponderExcluir
  39. Nossa, que saudades de visitar seu blog, Sonia!
    Recebi e-mail da Suzana avisando do livro, vou comprar com ela...eba!!

    Parabéns querida, e obrigada de novo, de novo e de novo!!
    Espero que agende logo uma palestra em Brasília, hehehe

    Bjão!!

    ResponderExcluir
  40. eeeeba, já pedi o meu, e aproveitei para completar a coleção dos livros que estavam em falta aqui em casa: atchim, paixão emagrece amor engorda, meditando na cozinha, amiga cozinha e claro candidiase, a praga! eita!

    vou deitar e rolar com tanta coisa boa!
    super beijos

    ResponderExcluir
  41. Eeeba digo eu, Syl, prazer imenso! Obrigada e beijos super pra você também!

    ResponderExcluir
  42. Oi, Edith, já estamos tentando fechar uma data logo após o 15 de novembro, viu? Aguardo resposta da Saraiva. Beijos e até lá!

    ResponderExcluir
  43. querida sonia, o livro cita a herpes?
    ou seria O herpes?
    :>)
    também é uma praga, pois não?
    em minhas pesquisas por aqui constatei algo interessante: mulher com cândida não tem herpes. viu isso por aí também?
    beijos.
    :>*

    ResponderExcluir
  44. Oi, Biajoni querido, o livro não se detém no ou na herpes, que no entanto é muito mais simples de entender e tratar do que a candidíase - que facilmente é crônica, enquanto herpes é pontual.

    Herpes é fruto de calor e stress e dá sim em quem tem cândida, seja homem ou mulher. Ledo engano achar que ela é "somente" um sintoma vaginal. Homens têm, e como! Abração!

    ResponderExcluir
  45. Sonia,
    Comprei o livro na palestra que teve no espaco cacamba de arte e ja estou devorando.. Fui acometida por uma maldita candidiase vaginal, provavelmente fruto de uma necessidade louca de comer doces durante a gravidez, e ja havia olhado seu site assim que os sintomas comecaram, só que fiquei na dúvida o que poderia fazer estando grávida e o que nao seria recomendado. O livro também não fala sobre a candidiase na gravidez e eu continuo na dúvida do que pode e o que não pode. Fiz o tratamento com alho, o banho de assento com vinagre para aliviar a coceira e mesmo após 10 dias de tratamento não houve melhora. Entrei com a nistatina (indicada pela obstetra) e parecia que estava melhorando e de repente voltou tudo, acabei mudando para uma outra indicaçao alopata, de dose unica, pois nao estava aguentando. Após responder o questionario no teu livro vi que preciso mesmo cuidar disso, pq se não vai voltar tudo, mas sem saber o que posso fazer estando gravida complicou! Alguma possibilidade de um post sobre isso?
    Cheguei atrasada na palestra, mas amei ouvir o teu ponto de vista com relação a doenças imunologicas, me levou a te admirar mais ainda! Parabens pelo teu trabalho!

    ResponderExcluir
  46. Oi, Lua,sugiro você consultar um(a) nutricionista e recomendo a Denise Carreiro aí em SP - contatos em www.denisecarreiro.com.br . Cada caso é um caso e situações especiais exigem atenção profissional. Um abraço!

    ResponderExcluir
  47. Oi Sonia, fazem 10 dias q estou fazendo seu tratamento, ja comprei o livro mas ainda nao chegou. Ja estou sentindo melhoras ms tenho uma dúvida. Por observação vi q sempre tenho crises depois de ter relação com meu marido, ele ja tomou remedios mas não resolveu, acredito q é nosso ph. Como posso resolver isso? Existe algum tipo de ovulo ou outra coisa q podemos usar?
    Obrigada pela ajuda com esse tratamento, já fui em vários médicos sem nenhum resultado.

    ResponderExcluir
  48. Oi, A., primeiro quero dizer que não é um tratamento, porque não tenho formação para isso. O que faço é promoção da saúde através de alimentação, higiene, bons hábitos e práticas, e como sempre tive candidíase posso passar a minha experiência pessoal, obtida também através de boas leituras médicas. ;-)

    Os sintomas depois de ter relações são consequência de duas coisas: mucosas ainda desprotegidas, afetadas pelos fungos, e pequenas esfoladuras decorrentes da própria penetração. O ideal seria não ter penetração por algum tempo. Abração!

    ResponderExcluir
  49. Sonia,

    Comprei o seu livro e já estou na dieta a 3 semanas. Não comi nada de carboidratos ou doces. A minha situação é a seguinte: Toda a vez que vou ter relação sexual com meu namorado (isso faz mais de 1 ano) acabo tendo uma fissura na fúrcula que arde e sangra e lubrificante não adianta de nada. Já fui em tudo que é médico, já passei tudo que é tipo de pomada, já fiz tratamento homeopático, com florais e nada resolveu. Depois que conheci o seu blog e respondi o questionário, pensei que poderia ser candidíase. Ou será que não? A minha dúvida é até quando devo seguir com essa dieta, pois eu nao tenho sintomas de coceira ou corrimento em que eu pudesse ver a melhora mais claramente. Não sei se sigo por mais uma semana e depois sigo com a dieta que pode comer alguns grãos ou se devo continuar com essa dieta mais rigorosa.

    ResponderExcluir
  50. Oi, A., primeiro não entendi o que é a fúrcula nesse caso, conheço a palavra aplicada a outro tipo de anatomia onde algo se bifurca, mas tudo bem: seria o períneo que se rasga um pouco? Se for isso, imagino que não tenha nada mesmo a ver com candidíase. Pode ser a posição da penetração, às vezes melhora quando a gente vai por cima, ou quando se deita de bruços, por uma questão de ângulo; também rola quando o membro masculino é muito avantajado. Mas você já deve ter analisado todos esses aspectos, não?

    Quanto à dieta, se você respondeu ao questionário e achou que pode ter candidíase crônica, mesmo que não seja ela a influir nessa questão pode ser bom manter o controle. Um abraço!

    ResponderExcluir
  51. Oi Sonia, ou pessoal
    Aproveitando a deixa desse último comentário, sobre a tal da fúrcula (umaginando a metade inferior da vagina como um V, a fúrcula é a extremidade inferior) e da fissura, tb tenho mesmo problema.
    Estou há mais de um ano travando uma super batalha contra a cândida.
    Tenho formação na área e saúde, o que me ajuda um pouco no quesito comunicação com médicos. Minha ginecologista atual (apssei por algumas, claro) me informou que a cândida não é tratada com base em exames. É tratada com base na sintomatologia. Que, como, sei lá, 90% das mulheres têm cândida na flora vaginal, detectá-la ou não não faz muita diferença. Ela me disse que a fissura na fúrcula é sim sintoma de cândida. Tenho épocas melhores, com quase nenhum prurido, mas a fissurinha continua lá, ameaçando abrir, a cada tentativa de penetração. E geralmente, depois das tentativas, os outros sintomas voltam.
    Estou louca pra ler o livro e vou sair pra comprar hoje mesmo.
    Parabéns pelo belo trabalho!

    ResponderExcluir
  52. Boa contribuição, amiga anônima. Vamos aprendendo com a fúrcula sobre a cândida e sobre a cândida com a fúrcula, já que a fissura é sintoma. Valeuzão, como se diz por aqui, e abração!

    ResponderExcluir
  53. Oi Sonia querida! Pod eme tirar uma duvidazinha?ou melhor, dar uma sugestao?Como vc sabe to lendo seu MARAVILHOSO livreo e começarei a dieta radical...mas empaquei numa duvida...pra quem faz mt esporte, eh mto pesada? E como dividir esta dieta, principalemnet no horario do dia e noite antes da pratica de esportes? Por ex: acordo e vou direto surfar, o q como antes e o q como em seguida? OU a mesma coisa à noite ou à tarde? Sugere algo pra comer antes? Minha preocupação eh maior por conta da minha hipoglicemia...
    Nao cano de te agradecer e dizer o quanto eh maravilhosa! obrigada por td e bj carinhoso

    ResponderExcluir
  54. Oi, Ti, primeiro acho o seguinte: não dá para fazer tudo ao mesmo tempo, então você deve definir prioridades. Se o esporte vai te deixar faminta de carboidratos, ou fraca, você deve diminuir o esporte até melhorar consistentemente, o que pode levar algumas semanas e resolver a sua saúde para o resto da vida.

    A gordura, nessa dieta, fornece as calorias no lugar dos carboidratos. Estará nos ovos e outros produtos animais, no óleo virgem de coco (sugiro sempre o importado, por ser de fato virgem) e na própria polpa do coco maduro, nas carnes.

    Entretanto, se considerarmos que a prática de esporte é uma especialidade, acho que você deve consultar um(a) nutricionista também especializad(o)(a) que te oriente com segurança. Beijão!

    ResponderExcluir
  55. Oi Sônia! Mto obrigada!
    É verdade, eu sei q o aperfeiçoamento na vida vem através de prioridades mesmo...e eu tô disposta a fazer sua dieta. Mas no meu caso, acho q o eporte serve pra me ajudar tbm. Inclusive no que diz respeito a resistencia à insulina. Mas como vc diz, tenho q perceber o quanto ficarei fraca(ou nào né). Tentarei perceber o quanto. De repente a intensidade mais tranquila, consigo força suficinte com a polpa do cocô. Mas acho tbm q posso buscar uma boa nutri e mostrar o q posso comer e ela fazer um "qrranjo "pra mim dentro de sua dieta.
    Nada como o tempo e a repetição pra nos fazer safos!
    brigada por td novamente
    bjao
    Ti

    ResponderExcluir
  56. Oi Sonia,

    Tem alguma previsão de palestra agora para 2011? É uma pena eu ter perdido, pois só agora conheci seu blog (infelizmente, mas infelizmente mesmo). Sofro de Candidiase desde novinha, antes mesmo de ter uma vida sexual ativa. E isso me irrita bastante, porque é sempre a mesma história: pomada e remédio. Passa um tempo ela volta. Vou me organizar financeiramente pra poder comprar o livro. Mas algumas dicas no blog já pretendo seguir, como por exemplo a do óleo de coco. Uma dúvida, existe muita diferença entre óleo de coco virgem e extra virgem? Posso comprar qualquer um dos dois? Abraços enormes e obrigada!!

    ResponderExcluir
  57. Oi, Livia, devo ter agenda em SP brevemente, aviso no blog. Sobre o óleo de coco, "extravirgem" não existe como classificação senão para o azeite de oliva.

    Tudo o que tenho sobre o óleo virgem de coco está em www.correcotia.com/mulheres/sodacoco.htm . Um abraço!

    ResponderExcluir
  58. Sônia,
    Há muito tempo sigo suas dicas de alimentação.Comprei o livro sobre a candidiase, pq minha mãe têm tido candida na mucosa oral seguidamente.Ano passado foi diagnosticado liquén plano oral.Mas mesmo com a medicação, a candida não a deixava em paz.Ao ler o livro, percebi que ela apresenta vários outros sintomas relacionados à candidíase.Ela está fazendo a dieta,a candidísae está calma, graças à Deus.Mas tenho algumas dúvidas quanto o que ela pode comer ou não.Obrigada, Patrícia

    ResponderExcluir
  59. Oi, Patrícia, acho que vocês duas podem ler juntas as seções "o que ajuda" e "o que atrapalha", para tirarem suas próprias conclusões. Cada pessoa reage de uma forma. Só mesmo o autoconhecimento pode determinar o que se pode ou não comer para melhorar. Um abraço!

    ResponderExcluir

Deixe seu comentário ou pergunta, se quiser, mas saiba que no momento é improvável eu responder, devido a mil coisas, cursos & viagens. Também vem novidade web aí. Agradeço. Abraços, Sonia

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.