domingo, 15 de julho de 2012

Só para mulheres: Diagrama da Cura Celestial

Ninguém crê em bruxas, mas sem um pouco de magia ninguém vive e os chineses tinham milhares de amuletos específicos para cada necessidade: espantar maus espíritos, proporcionar vida longa, garantir boa viagem, fazer chiover, fazer parar de chover, etcétera. Pois esse aí é diagrama da Cura Celestial recomendado só para mulheres, para todo tipo de problema feminino. Salvar, imprimir, colocar na bolsa, no armário, debaixo do travesseiro. E contemplar com frequência, para que a forma do diagrama possa ser assimilada pelos circuitos apropriados.

Manual do herói, página 46, a pedido de Denise Sahione

14 comentários:

  1. Para todo tipo de problema feminino? Funciona contra colicas menstruais, por exemplo?

    ResponderExcluir
  2. Querida, o diagrama veio sem bula ;-)

    ResponderExcluir
  3. Eu sou uma bruxa, Sonia! ;-)

    ResponderExcluir
  4. Jura, Kenia? Puxa, em você temos que acreditar. Inclui explicar como diagramas assim funcionam?

    ResponderExcluir
  5. Pintei, há muitos anos atrás, quando li o teu livro sobre medicina tradicional chinesa, esse diagrama numa rocha enorme que coloquei num local, que segundo o Feng Shui, seria o centro da minha casa e isso ajudaria a manter o equilíbrio do local. Acho que tem dado bons resultados... :)

    ResponderExcluir
  6. Existem mais mistérios entre o céu e a terra...

    Vou consultar meus caldeirões! ;-)

    ResponderExcluir
  7. O desenho não lembra o de uma mulher apoiada em pedras parindo (como era nos antigamentes)?
    A cabeçona em cima deve ser uma espécie de consciência superior.

    Eu quase fiz essa tatuagem nas costas, em 2002, qdo comprei o "Manual do Herói".

    ResponderExcluir
  8. Ola Sonia,

    Obrigada!! Como a Carol,pensei em fazer uma tatuagem, mas alguma coisa me dizia para pensar mais um pouco. Estou estudando com um chines que, parece, sabe um pouco de medicina chinesa, entao resolvi mostrar o amuleto para ele e perguntar a sua opiniao. Ele me disse que nao acha uma boa ideia desenhar este amuleto no corpo. De acordo com ele, as pessoas colocam na casa para que os maus espritos e os demonios sejam atraidos pelo desenho e nao entrem nas casas. Se estiver tatuado no meu corpo vai ter a mesma funcao. Ele tambem contou outras coisas, anotei em um caderno e vou ver se lembro de colocar aqui. Carol, como voce esta? Vamos marcar um almoco no Centro do Rio? Eu volto em agosto, te mando um e-mail.
    Bjs, Denise.

    ResponderExcluir
  9. Bom, meninas, vamos lembrar que esses diagramas são muito antigos, provêm do Cânon Taoista, de uma época em que a ciência se expressava por diagramas assim como hoje se expressa por equações.

    Para que servem os diagramas? Uma mandala, por exemplo? Para contemplar. Gravar no corpo é uma forma de não contemplar, uma tentativa de adquiri-lo sem esforço embora *doando* algum espaço. Eu diria que é um modo materialista de ver a coisa.

    Um diagrama não garante ninguém. O que garante é a segurança que ele pode dar uma vez que alguma coisa dentro da gente - do mental, do cerebral, do emocional - assimile a forma do poder. Diagramas são *energia de forma*. Na orelha esquerda do Manual do herói há um diagrama/amuleto em caligrafia craquelê para vitalizar o cérebro. Vocês acham que isso acontece só porque ele está no bolso? Ou é o movimento de sentar e contemplar atentamente os detalhes, repetidas vezes, e lembrar disso, que faz a diferença?

    Dever de casa: ler Your body doesn't lie, de John Diamond, MD. Em português, talvez na Estante Virtual: Seu corpo não mente. Abraços!

    ResponderExcluir
  10. Oi pessoal, não me tatuei até hoje. Com desenho nenhum, achei que seria apego, a existência nesse mundo e corpo é transitória.
    Quando sinto vontade de me transformar, faço tatuagens temporárias em henna e saio para curtir. Vão apagando aos poucos, como mandalas em manteiga que derretem, nos lembram da temporalidade de tudo e do nada.

    Nunca pensei na contemplação, sempre achei que mandalas e demais símbolos fossem curativos pelo exercício de sua repetição, de gravá-los em papel (ou pedra) repetidamente que elevaria a consciência a planos mais altos.
    Como uma meditação em movimento.
    Bacana essa visão.

    bjs :-)

    ResponderExcluir
  11. Sonia Querida, estava revendo esta postagem e os seus comentários! Um amigo me perguntou do que se tratava o Diagrama que estava na minha porta e eu estou tentando explicá-lo..... Vou tentar muito te ver dia 13/05, já fiquei sabendo que estará por aqui!!

    Bjs. Denise Sahione.

    ResponderExcluir
  12. Querida Sonia,
    Muito obrigada! Adoro seus livros!
    Gostaria de saber um pouco mais sobre o diagrama. Pode me recomendar alguma leitura?
    Bjs

    ResponderExcluir
  13. Puxa, adoraria poder recomendar alguma leitura, dra. Naty. Mas esse material é raríssimo. O diagrama saiu de um Canon Taoista que eu mesma nunca encontrei - peguei de outro livro que o reproduziu. Diagramas como este eram comuns na antiguidade, a ciência expressava-se através deles assim como hoje se expressa por equações. Deve-se contemplá-los de modo que a imagem entre e produza harmonia. Bjs

    ResponderExcluir