terça-feira, 9 de março de 2010

Dengue: Repelente caseiro de cravo-da-índia

Corre na rede uma receita que recebi hoje, por email, e achei que pode dar certo. O cravo-da-índia tem efeitos antimicrobianos em vários tipos de infecção. É antifúngico, antiprotozoário, estraga ovos de vermes, seu óleo melhora dor de dente, tem propriedades conservantes e muito mais. Fácil de fazer e sem grandes custos, vale a pena tentar.

Ingredientes:
10 gramas de cravo-da-índia
1/2 litro de álcool
100 ml de óleo de amêndoas, coco, para bebês ou outro sem aditivos.

Modo de fazer: colocar os cravos no álcool e guardar por 4 dias, agitando de manhã e à noite. Só então misturar o óleo. Usar poucas gotas na pele.

Se funcionar, agradeçam mentalmente a Ioskiko Nobukuni, que supostamente assina a mensagem. Se não funcionar, continuem comendo inhame - esse funciona. Tanto como preventivo, mantendo no sangue algo (ainda sem nome científico) que neutraliza o parasita transmitido pelo mosquito, quanto no tratamento - sopinha de inhame com pouquinho alho - e na recuperação da saúde. E ainda é gostoso.

Ilustração de Celina Gusmão

79 comentários:

Batista disse...

OI Sônia,

Essa receita serve para micoses resistentes?

Abs!

Sonia Hirsch disse...

Oi, Batista, o óleo de coco costuma resolver micoses. Somado ao cravo, deve funcionar melhor ainda. Mas o que está fora está dentro, portanto é bom cuidar de ingerir óleo de coco virgem também. E tomar vermífugo de vez em quando, porque manifestações de vulnerabilidade na pele estão muito ligadas a parasitoses intestinais. Um abraço!

Batista disse...

Fino!

Valeu a atenção!

Maria Elisa von Zuben Tassi - Lisa/Valeta disse...

Olá Sonia, a Sra. IOSHIKO, lá de Fernandópolis, está fazendo um trabalho lindíssimo divulgando essa e outras receitas, auxiliando no combate à dengue. Ela é uma sobrevivente da Dengue homorrágica, o que a motiva nessa campanha com muita dedicação. Outro uso muito recomendado por ela é o consumo da Pereskia Aculeata (ou o Ora-pro-nóbis, ou ainda Carne dos pobres), inclusive ela doa mudas a quem solicitar: nobukunister@gmail.com
Saudações Lisa
domatoaoprato.blogspot.com

Sonia Hirsch disse...

Oba, Lisa, muito obrigada pela confirmação - e muito obrigada a Ioskiko Nobukuni por divulgar seu repelente. Abraços!

Anônimo disse...

eu fiz essa receita de cravo da india, mas nao funcionou, ficou foi pior.

Sonia Hirsch disse...

Opa!!!

Anônimo disse...

Oi Sônia

Como não sei bem onde colocar essa dúvida achei melhor postá-la aqui.
Eu tinha queixas de mau estar do estômago, de muita saída de muco (nariz, garganta, vagina) e de dificuldade em engordar. Fui a uma médica que quis que eu fizesse exames de sangue e de fezes (intolerâncias alimentares e disbiose intestinal alargada), para ver como o meu organismo estava. O resultado deu que sou intolerante a leite, ovos, cacau, sésamo e cereais (entre outros mas a lista é um pouco extensa). De acordo com o resultado dos testes, eu não tenho Candida sp mas tenho a presença de Antígeno Helicobacter Pylori. A médica me disse que essa bactéria poderia causar cancer e me receitou 2 antibióticos (para tomar ao mesmo tempo) para essa bactéria e Mucosa Compositum (laboratório HEEL) para tratar as mucosas (ela disse que quando uma mucosa está inflamada todas as outras mucosas se "solidarizam"). Tratei de eliminar ao máximo os alimentos que causam intolerância da minha dieta. Já fiz os tratamentos (junto com probióticos) e não sei como fazer para saber se essa bactéria desapareceu... e as minhas dúvidas são essas Sônia: Há alguma forma natural de prevenir e/ou tratar (matar mesmo) essa bactéria de vez? Como se apanha isso?

Obrigada pela atenção e desculpe tomar o seu tempo. Tenho aprendido imenso com você. Ai se você fosse médica com consultório...

Um abraço,

Maria.

Sonia Hirsch disse...

Oi, Maria, essa bactéria vive normalmente no estômago, num buraquinho chamado antro que é protegido do ácido gástrico. Depois que pesquisei sobre vermes esses diagnósticos de H.pilori não me satisfazem, pois há muitos vermes e protozoários que afetam o estômago. E o excesso de muco que você tinha, derivado de alimentos que sabidamente provocam muito muco, como leite e queijo, favorece a proliferação de micróbios. Penso que agora você não deve mais se preocupar com a Helicobacter pilori. Mantenha uma boa alimentação, rica em folhas verdes, e guarde distância dos alimentos aos quais é sensível. Com o tempo tudo volta ao normal. Um abração!

rosita disse...

oi sonia! AMO inhame, como quase todo dia. tive dengue uma única vez, ANTES de aderir ao inhame. tomo tbém no verão umas gotinhas de homeopatia. sem falar do alho e a cebola q como crus no tempero da salada DIARIAMENTE.mas o q vim te perguntar é o seguinte: o q vc acha da vacina p gripe h1n1? minha irmã me "convocou" pois trabalha na área de saúde e vai se vacinar nesta primeira chamada. além disso tem bronquite e é quase obesa.essa vacina já tá bem testada? não tô sentindo firmeza...como falei acima, costumo ter boa alimentação, vida saudável, etc,etc, e tenho 59 anos. é válido tomar a vacina ou continuo "na minha"??? bju!

Sonia Hirsch disse...

Oi, Rosita, em primeiro lugar não acredito nessa gripe, que já foi muito denunciada aqui no blog e em outros lugares respeitáveis; em segundo lugar, não gosto de vacinas, não tenho nenhuma convicção de que funcionam, não tomo, não vacino meus bichos e acompanho há muitos anos pessoas que não vacinaram os filhos. Ou seja, sou a pior pessoa para você pedir opinião... Beijo!

Anônimo disse...

Muito obrigada Sônia. Você e a Vera Falcão são uma grande referência para mim.

Abração para vc, minha "gurua" :)

Maria.

Jussara disse...

Oi, de novo, Sonia,

Eu tinha recebido essa receita por e-mail, mas como tem muita lenda na internet, eu não repassei pq não sabia se funcionava mesmo; agora já sei :).

Sobre a dengue, não lembro se foi aqui ou no correcotia que vc disse que ela raramente mata. Nesse caso seria a dengue comum? Pois a hemorrágica já matou várias pessoas aqui na minha cidade no ano passado (a mídia falou em 54, mas deve ser muito mais) e uma menina que era da minha escola de dança de salão, morreu rapidamente, na flor da idade, em dois dias. Nesses casos é pq a hemorrágica é mais grave ou é falta de um bom diagnóstico e atendimento?

Comecei a comer o inhame, mas acho ele tãão sem gosto de nada; confesso que não acho ruim, mas tb não sinto prazer (justamente pela falta de gosto).

Abraços e obrigada.

Sonia Hirsch disse...

Oi, Jussara, eu mesma ainda não sei se esse repelente funciona; uso inhame há muito tempo e nunca tive sombra de dengue. A hemorrágica pode matar, sim. A comum raramente mata. Por isso é tão importante comer inhame tanto para prevenir quanto para tratar, e depois continuar comendo; o sangue se limpa daquilo que ficou e não há reincidência.

O sabor do inhame, que é neutro e um pouquinho picante, pode ser realçado com alho, cebolinha verde, orégano, azeite, balsâmico e outros temperos. Como tudo, aliás - já comeu feiojão sem tempero? Abração!

Pedro Tozzi Neto disse...

A receita de alcool com cravo da india funciona sim. O chato é que fiquei com umdelicioso cheiro de doce de abóbora.

Sonia Hirsch disse...

Puxa, Pedro, mas que chato!!! ;-)

simone disse...

olá bom dia.
moro na baixada santista,e aqui a coisa ta feia,o que tem de criança morrendo dessa dengue que a gente não acredita,vou fazer esse repelente de cravo.
um bom dia a tds

Sonia Hirsch disse...

E faça também a sopa de inhame, Simone, bote fé porque funciona mesmo. Com alho. Um abraço!

Anônimo disse...

Oi Sonia,

sou sua fã há muitos anos, onde aprendi o emplastro de inhame que uso e recomendo. Como esteticista, já usei em forma de máscara para acnes, inflamações de peles, usei em furúnculos na família toda e agora passei para minha irmã podóloga, para unha encravada. Gostaria que você esclarecesse a receita com cravo-da-índia, alcool (de cereais?) e o óleo de côco onde encontro o melhor, mais puro?
Pode passar nos pés com problema de frieiras e micoses? Além de repelente pode ser usado para outros fins?
Obrigada pelo seus livros, por esse canal para tirar dúvidas, que bom te encontrar aqui.

Beijos
Cida Comoti - São Paulo

Sonia Hirsch disse...

Oi, Cida, que legal você passar isso para sua irmã. Nas minhas experiências, o emplastro de inhame acaba com unha encravada em 24 horas, 48 se estiver muito ruim, a ponto de arrancar.

O que você quer esclarecer? Sobre o óleo virgem de coco, prefiro o TheraHerb, importado, que você encontra em www.dr-organico.com.br . O nacional, marca Copra, ficou ruim e não sei se melhorou. O próprio óleo de coco resolve freiras e micoses - sem esquecer de tomar um vermífugo, pois muito do que aparece na pele é causado por vermes intestinais e pulmonares.

Sobre o repelente de cravo, só sei o que publiquei. Sobre óleo virgem de coco, leia mais em www.correcotia.com/mulheres/sodacoco.htm . Um abração!

Jussara disse...

Oi, Sonia,
É verdade, feijão sem tempero é horrível, só como com muito alho ;).
Agora já tenho o seu livro Inhame Inhame e lá tem várias receitas que vou experimentar. Mas vou começar a colocar uns temperos, como vc falou.
Que maravilha isso d'ele prevenir a dengue e até ajudar a tratar. Já falei aqui, mas essa notícia realmente me encantou :)).
A Cida disse no comentário acima sobre emplastro para acne, mas talvez comê-lo tb ajude a limpar a pele, não?

Abraços.

Sonia Hirsch disse...

Jussara, eu também acho que inhame ajuda em tudo. Sobre a acne, você sabe: o remédio é beber muita água durante o dia, sempre que possível com gotas de limão. E escovar a pele com escova de cerdas naturais, para ativar a circulação. Um abraço!

Anônimo disse...

Oi Sônia,

meu nome é Laura estou usando o computador da minha tia pra te perguntar se na receita de repelente caseiro, o alcool a ser usado é o normal que compra em super mercado ou é o de cerais?
Obrigada um grande beijo

Laura

Anônimo disse...

Olá Jussara,

fui esteticista durante dezessete anos, e além de limpeza da pele, aconselhava as clientes a se alimentarem melhor, beber muita água, não tomar sol sem proteção, passava sempre uma escova com cerdas naturais antes de realizar a limpeza de pele, e as ensinava a fazer isso em casa. Mas eu sempre fazia o emplastro em minha casa, triturava o inhame com 10% de gengibre, acondicionava em potinhos e dava de presente para as clientes usarem em casa, além de ensinar a fazer. Teve muitas noivas que me procuraram desesperadas, porque além do rosto, muitas tinham o colo e as costas cheios de acnes, pústulas, cravos. E muitos me ligaram depois de algum tempo dizendo que ao passarem todos os dias esse emplastro depois de algum tempo a pele ficava totalmente lisa.
Um dia meu interfone tocou, em minha casa e já era tarde da noite, era uma cliente(sem marcar) me pedindo para subir, e eu um pouco assustada a recebi e ela me disse que tinha vindo pessoalmente me agradecer pelo que eu tinha feito por ela e me mostrou as costas, que antes estavam horríveis, elas estavam lisinhas, sem marcas e ela podia então usar um vestido de noiva com decote. Fiquei muito feliz!! Essa receita de emplastro de inhame é infálivel! Muito boa!

Cida Comoti

Sonia Hirsch disse...

quanto ao álcool da receita: álcool comum.

Jussara disse...

Olá, Cida,

Eu tento seguir essas dicas que vc deu, mas mesmo assim, às vezes sai uma ou outra espinha, principalmente perto da menstruação, mesmo já tendo passado da adolescência e fazendo tratamento dermatológico à risca, rs. Mas vou tentar o emplastro e ver o que acontece. Muito legal o seu comentário, virou até post, né? Que chique :).


Sonia,
Eu tomo água com o sumo de um limão em jejum, e às vezes coloco no chá que tomo à tarde, mas não sabia que era bom colocar umas gotas na água. Mas nesse caso se eu abrir o limão pra pingar apenas uma gotas, ele não vai perder as propriedades? O que me ajudou a melhorar a pele foi o suco de luz do sol, conhece? Mas depois de um ano fazendo, comecei a enjoar :(.
Como seria essa escova? É escova de cabelo ou é tipo aquelas escovas de passar no sapato?
Abraços e obrigada again, pela paciência, inclusive :).

Silvia - BH disse...

Jussara - eu também gostaria de saber que escova é esta. Por enquanto, uso uma de bebê, de cerdas bem macias mas com uma certa firmeza.

A receita de cravo é conhecida de gente que entra em matas. Se não funcionou, pode ser que o cravo seja bem antigo em casa e o aroma, enfraquecido. Pode-se deixar a preparação em vidro escuro, longe da claridade.

Ainda para mosquitos - pernilongos.
Uso à noite, estes aparelhinhos que se coloca na tomada com casca de laranja. Estes dias ao preparar para um empregado do sítio tive a idéia ( meio obvia, mas demorei a ter) de cortar as casquinhas e deixá-las prontas. Pra mim funciona e os pernilongos, que não são muitos, não me incomodam. Tal como o Pedro disse, no quarto fica um aroma delicioso e muito suave de laranja.

Se a Sonia fosse médica ao invés de jornalista, como iria ser tão perita em divulgar informação em livros e revistas e apresentações? Melhor que o faça e os médicos que aprendamos com ela.

Sonia Hirsch disse...

Garotas, a escova é bem fácil de encontrar em drogarias e lojinhas de sabonetes e afins, ou nas seções de gostosuras corporais das grandes lojas.

As cerdas são amareladas, cor de palha, completamente naturais, e a base é de madeira, com ou sem cabo. Eu tenho uma de banho, retangular, uma oval de massagear o corpo seco, uma de cabo, pequena, para o rosto, e mais uma pequena sem cabo, de cerdas mais duras; fui juntando ao longo dos anos e agora vou alternando. Sabe aquele carocinho da pele chamado de milho? Sai com escovação.

Óleo de coco, escova e, na hora de lavar, bucha e muita água: pra mim é o que basta. Raramente uso sabonete ou outro produto para a pele.

Sonia Hirsch disse...

Valeu, Silvia! Beijo!

Silvia - BH disse...

Aqui na região voltou a dar muita dengue. Pra quem trabalha comigo e adoeceu, dei sua recomendação junto com um pouco de inhame para prepararem de imediato. Calhou que por acaso topei com esta página:

"Combata a dengue com inhame"
http://www.muitogostoso.com.br/informacao/view/Combata-a-Dengue-com-Inhame/

Tem receita de biscoito de inhame, nhoque de inhame e pé-de-moleque com inhame e outras.

Sonia Hirsch disse...

Oi, Silvia, ótimo saber que mais blogs divulgam o inhame. Se bem que, quanto aos biscoitinhos e ao pé-de-moleque, eu diria que ele é quase figurativo, as receitas são cheias de açúcar, farinha, leite condensado, creme de leite... Gosto mais quando a receita não leva esses principalmentes todos, que mais predispõem à dengue do que a combatem...

Jussara disse...

Obrigada, Sonia, vou procurar a escova. Vou tentar passar o óleo de coco no rosto. No corpo não tenho "coragem", fico com dó de desperdiçar, hehehe.

Eliane disse...

Oi, me chamo Eliane e queria saber como é feito o emplastro de inhame.
bjs obrigada....

Sonia Hirsch disse...

http://www.soniahirsch.com/2010/04/cozinha-medicinal-emplastro-de-inhame.html

Pereskias disse...

DENGUE: TOME PRODEN
Estratégias contra a dengue: use repelentes de cravo ,andiroba,ou de citronela,na casa, quintais e no corpo;coloque detergente em toda água parada;aos primeiros sinais da dengue tome PRODEN, remédio homeopático,liberado para uso sem receita e não tem efeitos colaterais,abaixa a febre,as dores,evita a hemorrágica,e vc.pode ir trabalhar em seguida. Eu tomei junto com cravo amarelo e fiz acupuntura,tive uma dengue(pela segunda vez) ligth,não precisei de ajuda médica.
nobukunister@gmail.com

Sonia Hirsch disse...

Sim, sim, sim, mas uma sopinha de inhame três vezes por semana previne e também trata, e Elixir de inhame acaba de limpar para não vir a dengue hemorrágica!

Pau de Sebo disse...

Olá, Sonia. Faz tempo li um excelente livro seu sobre os bichos que habitam em nós. Gostei tanto que dei exemplares de presente a amigos e parentes.

Passou-se o tempo e, buscando no Google uma receitinha de repelente natural, dou com o seu blog. Parabéns! Passo a ser seu seguidor. Abrzz.

Sonia Hirsch disse...

Oba! Mas como é que faz pra dar um abraço num Pau de Sebo? ;-)

Pau de Sebo disse...

Sonia: você tem o humor que percebi quando vi uma entrevista sua. E nada como o humor [bom] para contra-atacar qualquer zica.

Sobre abraços: leia o blog - isso já valeria por muitos!

Abrzz.

Sonia Hirsch disse...

Já li várias coisas. Gostei de você se definir como amador, também me sinto assim!

Maria Clara disse...

Oi Sonia, obrigada por partilhar seus conhecimentos. Tive, estou, com dengue, sempre como inhame, mas não o suficiente, ou até quem saber por este motivo já estou melhor, e agora então com a sopa de inhame diária acredito que vou me recuperar. Gostaria de saber sobre o elixir de inhame, obrigada

Sonia Hirsch disse...

Oi, Maria Clara, o Elixir de Inhame Goulart é vendido normalmente nas boas farmácias e drogarias e ajuda a limpar os resíduos da infecção. Além do inhame, tem salsaparrilha na fórmula. Pode empipocar a pele no processo de limpeza, é normal. Um abraço e melhoras!

J. Vilsemar Silva disse...

- Descobri por acaso o teu site. Estava buscando informações sobre inhame. Você está de parabéns. As informações são ótimas. Informações que muitos trustes farmaceuticos do sistema coporatocrático não gostariam que fosse repassado para as pessoas, pois essas visam exclusivamente o lucro e não as pessoas. Veja a fraude da H1N1 e o lucro que eles tiveram dissiminando o medo pelo mundo a fora. A partir de agora o inhame fará parte da mesa da minha família. Mais uma vez parabéns pelo excelente site.

Sonia Hirsch disse...

Oi, Vilsemar, o trabalho de promoção da saúde é assim mesmo, de formiguinha... Obrigada pela força, um abração!

Kathy disse...

Sonia

Eu resolvo problema de micose do pessoal aqui de casa com um chá de cravo bem forte (compressa). Funciona mesmo!

Sonia Hirsch disse...

Oi, Kathy, além de fungicida o cravo também é bom contra vermes e protozoários, ajuda na dor de dente anestesiando o local, perfuma as gavetas e é tão lindinho, né? Obrigada pela dica, um abraço!

Talita disse...

Oi Sonia e Kathy!
Adoro o blog, e gostaria de pedir uma dica sobre o cravo e o óleo de coco para tratar micose na pele dos pés. Eu e minha irmã temos, há muitos anos, sempre descama muito...

Qual a dosagem, frequencia do tratamento?

Um abraço!

Sonia Hirsch disse...

Oi, Talita, o óleo virgem de coco você passa diariamente, pode usar no corpo inteiro e nos cabelos, além de comer - recomenda-se uma colher (sopa) em jejum para quem sofre de fungos. Também é bom para cozinhar inúmeras receitas.

Sobre a compressa de cravo, passo a palavra à Kathy! Um abraço!

Talita disse...

Valeu, Sonia!!
Um beijo!

Kathy disse...

Talita

Eu uso uma boa quantidade de cravos e deixo ferver o chá por 10 minutos. Aplico 2 ou 3 vezes ao dia.

Sonia Hirsch disse...

Oi, Kathy, nosso departamento de receitas eficazes pergunta:quanto de cravo e quanto de água, pliz? =oo= Um abraço!

Kathy disse...

Sonia

Eu faço no olhômetro, mas agora eu medi: meio litro de água e uma colher de sopa de cravos...

Sonia Hirsch disse...

Beleza, Kathy, valeu :-)

Anônimo disse...

Oi Sonia,

Gostaria de saber se este repelente de cravo é seguro para ser usado por gestantes e lactentes. Aproveitando o assunto do Inhame, o mesmo também pode ser livremente ingerido por gestantes? Ouvi dizer que possui alguma substância que afeta os hormônios femininos. Será que é verdade?

Um abraço,

Vania.

Sonia Hirsch disse...

Oi, Vania, pode usar o repelente de cravo e comer inhame taro sem susto, seus fitoestrógenos são encontrados em baixíssima concentração no produto natural e de fato abundantes no Wild Yam, que é de outra família, das Dioscoreas. Um abraço!

Anônimo disse...

Oi Sonia! Muito obrigada! Hoje mesmo já preparei um inhame douradinho na manteiga e azeite e ficou uma delícia. Vou comer sempre. Um abraço!

Anônimo disse...

Oi, Sonia, gostaria de saber se vc sabe algo natural para pulgas, minha cadela está lotada delas, tenho medo de passar produtos fortes nela, obrigada dede já. Um abraço, Sandra.

Sonia Hirsch disse...

Oi, Sandra, eu já tentei muita coisa, sem sucesso; no momento dou Program para as cachorras e aplico Frontline no gato. O site http://www.cachorroverde.com.br/repelentes.php está prometendo um artigo a respeito.

Em apartamento acho mais fácil controlar. Eu costumava passar aspirador na casa com inseticida em pó dentro do saco e catar as pulgas que vez por outra apareciam. Mas quando o cachorro conversa no portão com outro da rua, as pulgas acabam entrando.

Um banho com erva-de-santa-maria sempre ajuda, você pode comprar na feira e colocar em infusão (água fervendo sobre as folhas). Dar banho normalmente, enxaguar com esse chá forte e passar também na casa, porque as pulgas ficam muito mais nas frestas do assoalho e nos tapetes do que no animal - ele é só o restaurante, a pulga vai lá se alimentar mas não vive nele.

Se descobrir alguma coisa melhor, conta pra nós? Um abraço!

Jussara Gehrke disse...

Sônia, esta receita dá super certo pra nós!
Recebi por email e testamos, meu marido preparou com óleo Johnson e ficou cheiroso e gostoso de passar no corpo, ficamos perfumados e as muriçocas não atacam, porque moramos na frente do mar aqui na Bahia e os vizinhos tem verdadeiras florestas, as muriçocas atacam mesmo.

abraço
Ju

Taiand disse...

Olá Sonia,meu nome é Andréa,meu filho nasceu c sopro mas os médicos chamam de CIA e CIV,passaram um medicamento diuretico mas eu noto q ele fica desidratado,vc teria algo natural p/ este problema?
Desde Já Obrigada.

Sonia Hirsch disse...

Oi, Taiand, adoraria ajudar mas infelizmente não sei nada a respeito. Um abraço!

Moacir disse...

A receita que passaram aqui em Bertioga-SP é com 100 gramas de cravo e nao 10 gramas, e o perfume é muito bom. Só nao tem o efeito residual de outros repelentes industriais do mercado. Recomendo!

simone disse...

Olá Sonia, nao conhecia seu blog e achei muito interessante. Tive dengue no ano passado e fiquei muito assustada e com medo. Gostaria de saber a respeito da sua receita com inhame e como funciona. Qto ao repelente de cravo amanhã mesmo vou fazer. Abraços

Sonia Hirsch disse...

Oi, Simone, é só comer inhame. Veja mais em www.correcotia.com/inhame , lá estão as informações e receitas. Um abraço!

Anônimo disse...

oi Sonia meu nome e Erli eu gostaria de saber o que é bom para baixar o triglicerideos

Sonia Hirsch disse...

Oi, Erli, depende muito do que fez os triglicerídeos aumentarem. Você já consultou um(a) nutricionista? Se não houver essa possibilidade, eu tomaria em primeiro lugar um bom vermífugo e começaria uma dieta sem queijo, pão, massas e doces, com muitos legumes e verduras e carnes magras. Um abraço!

Marcia disse...

Olá Sônia, boa noite!
Pesquisando repelentes caseiros cheguei até seu blog... muito, muito, muito obrigada! Vc, de forma segura e informativa, me ajudou a controlar o pânico a respeito da dengue. Sou diabética e hipertensa e certamente são fatores agravantes para essa doença. Não dá pra ficar usando esses repelentes comprados e, incluir o inhame em minhas refeições é no mínimo saudável (sempre disse "eca" para o inhame..srsr). Já fiz até um cardápio segundo o site que vc indicou.. Obrigada e tudo o que eu puder fazer para divulgar essas informações, certamente farei. Um grande abraço.

GRACIELA disse...

OI SONIA POR FAVOR MIM EXPLIQUE MELHOR COMO DEVO USAR O INHAME? É TODO DIA UMA VEZ NA SEMANA? MUITO OBRIGADA!!

Anônimo disse...

BOA NOITE SONIA!! GOSTARIA DE SABER SE VC TEM ALGUMA RECEITA QUE POSSA DESINFLAMAR DENTE? TEM UM DENTE MEU QUE TA INFLAMADO E JA TOMEI DOIS AANTIBIOTICOS QUE O DENTISTA PASSOU E NÃO MELHOROU NÃO POSSO FAZER NADA NELE PQ DOE MUITO. DESDE JÁ TE AGRADEÇO!

Sonia Hirsch disse...

Oi, Graciela, veja em www.correcotia.com/inhame .

Oi, Anônima, geralmente o gengibre ajuda - ficar mascando devagar uma rodelinha de gengibre e cuspir a saliva, que vai limpando. O cravo-da-índia também é antisséptico, mascar devagar e cuspir. Um dente aberto pode ser ajudado pelo emplastro de inhame, também em www.correcotia.com/inhame: coloque inhame ralado com 10% de gengibre sobre um pedaço de gaze e aplique dentro do dente. Alivia muito quando é canal dentário aberto, porque ele puxa a infecção para si.

Anônimo disse...

Sohia, o que vc me diz sobre o alho e a cebola quando consumidos crus ou não e tb sobre um chá de limão , alho , gengibre e cravo da índia que é feito em três minutos e abafado em vinte minutos antes do consumo. Pois há seis meses passei a sofrer de alguns problemas alégicos sem repostas com medicamentos indicados por médicos. Por isso de repente passei a comsumir cebole e alho diariamente e esse chá encontrado em algum site. Sonhia, tudo me parece que esse meu consumo de repente já surtiu mais efeito do que os medicamentos indicados.Agora lendo as suas informações penso que tudo isso poderá tb servir de repelente?

Sonia Hirsch disse...

Alho, cebola, limão, gengibre, cravo: todos eles repelem insetos e micróbios de todo tipo, fora e dentro do corpo, e não é à toa que foram incorporados à comida nossa de cada dia. Essa é a linha de raciocínio. Já leu o que está em www.correcotia.com/vermes? Tem um capítulo só sobre alho. Um abraço!

Anônimo disse...

Ok,Sonia!Tb no momento faço um tratamento a base de alho para subtrair as benditas amebas e talvez combater a hpylori. Receita testada e aprovada por uma pessoa idosa que aprendeu com outra do tempo da vovó."Em jejum e sem mastigar durante quinze dias um pequeno dente alho com água".Após isso fazer um espaço tb de quinze dias, mas sem alho para poder repetir o tratamento durante outros quinze dias.Então, será que essa receita poderá tb combater a bendita hpylori?Pq as bombas para acabar essa bendita é de acabar com a gente tb.abraços!

Anônimo disse...

Gostaria de saber se tem alguma coisa eficaz contra lingua saborosa?

Sonia Hirsch disse...

Língua saburrosa? Comer melhor, beber mais água, menos leite e laticínios, cuidar da digestão com um chazinho de espinheira-santa, de dente-de-leão...

angela disse...

Olá Sônia admiro muito as suas dicas.Irei morar em uma cidade onde possuem bastante plantações e estou com medo do bicho barbeiro gostaria e saber se tem algo que pode evitar a picada deste bicho hororroso. Obrigada

Sonia Hirsch disse...

Tadinho do bichinho, Angela! Ele não tem nada de horroroso, é um besourinho. E, como disse Pasteur, o agente infectante não é nada, o terreno é tudo. Manter a boa saúde e a imunidade alta é tudo de que você precisa. O medo deprime, fragiliza e dá infelicidade.

Mas na dúvida, coma inhame. Ele depura o sangue e protege de uma série de problemas transmitidos por mosquitos, tipo dengue, malária, febre amarela. Tem muito zinco. Vai que protege também do mal de Chagas, quem sabe?

Anônimo disse...

Cara Sonia,
Sobre o inhame: a pele das mãos e braços às vezes ficam irritadas/coçando depois de lavá-los para cozinhar...deve ser 'algo' como o ácido nítrico? E se usar aquele antigo elixir de salsa parilla e inhame?
Grata pelo seu maravilhoso trabalho.
Sylvia

Sonia Hirsch disse...

Sylvia, veja http://www.soniahirsch.com/2009/05/inhame-cru-tem-acido-oxalico-mas-nem.html . Um abraço!